!
/>


segunda-feira, 26 de setembro de 2016

NOVO CANAL ADICIONADO HOJE NO STARONE C2/C4 26/09/2016


BOM PESSOAL JÁ ENTROU O NOVO CANAL EM HD NA PROGRAMAÇÃO STARONE C2/C4.
O NOVA CANAL É O ANIMAL PLANET EM HD .
PARA ADICIONAR O NOVO CANAL EM SUA PROGRAMAÇÃO , BASTA FAZER UMA BUSCA DE CANAIS EM SEU RECEPTOR.
BOAS FLORES.

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Compras do exterior abaixo de US$ 100 são isentas de impostos, diz tribunal


Uma encomenda do exterior feita por uma moradora de Porto Alegre (RS) acabou fazendo com que a Justiça Federal determinasse a validação de uma regra pouco respeitada quanto a importação de bens materiais. A partir de agora, compras custando menos do que US$ 100 são isentas de impostos, segundo a Turma Regional de Uniformização (TRU) do Sul do Brasil.

A Receita Federal diz que a Portaria nº 156/99 do Ministério da Fazenda, e a Instrução Normativa nº 96/99 da Secretaria da Receita Federal, determinam que uma compra do exterior só pode ser liberada de impostos caso tenha sido feita a partir de uma pessoa física e custando menos de US$ 50. Sendo assim, compras feitas em lojas como a Amazon e a AliExpress seriam tributadas se passassem do limite.
O juiz federal Antônio Fernando Shenkel, relator do processo na TRU, determinou, porém, que essa tributação é contra a lei. "O estabelecimento da condição de o remetente ser pessoa física e a limitação da isenção a produtos de até 50 dólares não têm respaldo no Decreto-Lei nº 1.804/80, que regrou a tributação simplificada das remessas postais internacionais", determinou.
Publicidade
Em outras palavras, uma lei decretada em 1980, responsável por simplificar a aplicação de impostos em remessas postais internacionais, impede que a tributação seja diferente para encomendas em que o remetente é pessoa física ou quando é jurídica. Assim, importações abaixo de US$ 100, não importando se foram enviadas por amigos, parentes ou alguma loja, não devem ser taxadas.
A TRU "uniformizou o entendimento" - o que significa que essa mesma decisão será adotada como medida padrão para todos os juízes que receberem casos parecidos ao da moradora de Porto Alegre. No entanto, isso não significa que a Receota está proibida de aplicar a taxa para todos os brasileiros. Trata-se de uma decisão isolada de um caso, e não uma norma aplicada como lei.
De qualquer forma, se você for taxado em uma compra abaixo de US$ 100, mesmo que a Receita diga que pode fazer isso, você pode abrir um processo contra ela e usar a decisão desse juizado como precedente.
Via TRF

domingo, 11 de setembro de 2016

GOTECH(GSHARE): POSSÍVEL FIM DE UM DOS MAIORES SERVIDORES DE SKS E IKS


A Nagra conseguiu uma vitória na Justiça dos Estados Unidos em um processo contra a chinesa Zhuhai Gotech Intelligent Technology e duas empresas coligadas. A Nagra alega que as tecnologias e serviços da Gotech(GSHARE)  foram projetados e destinados a contornar as tecnologias de proteção de conteúdo.

Na ação, a Nagra argumentou que a Zhuhai Gotech Intelligent Technology, a Gotech International Technology e a Globalsat International Technology fabricaram e distribuíram set-top boxes sem autorização – sob marcas como Globalsat, Azamérica, Freesky, Nazabox, Captiveworks e Limesat – bem como operaram servidores de Internet Key Service (IKS) a partir de equipamentos localizados nos Estados Unidos, violando, assim, o digital Millennium Copyright Act (DMCA),bem como a Lei Federal de Comunicações.

Depois de identificar atividades piratas, os peritos anti-pirataria conduziram uma investigação forense em curso para reunir provas para o processo judicial. 

O tribunal concedeu à Nagra US$ 101.851.800, devido à capacidade de identificar e comprovar a número exato de usuários (mais de meio milhão) de ligação aos serviços ilegais da Gotech que foram objeto do processo.

A Kudelski Segurança estima agora que houve, de facto, mais de três milhões de usuários finais conectados a vários servidores Gotech.

Além de determinar o pagamento de danos, o juiz também ordenou à Gotech o fim da fabricação e venda de qualquer equipamento ou oferecer quaisquer serviços que poderiam ser usados para a pirataria.

Tudo leva a crer que seja esse o motivo do apagão do GSHARE no SKS através dos satélites 22W e 53W, afetando marcas como a Globalsat, Azamerica, FreeSky, Miuibox, PhanterSky e outras que se utilizam desse mesmo servidor.

Vamos aguardar pelo desfecho dessa história. 

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

OLED, 4K, UHD, HDR etc: conheça o significado das siglas nas smart TVs

Ao comprar uma Smart TV, muita gente fica confusa com a variedade de siglas que recentemente apareceram no mercado. Quando nos acostumamos com HD e Full HD, as fabricantes lançaram os modelos 4K e UHD, e não faltam anúncios de protótipos com 8K. Dessa maneira, é comum não saber diferenciar com precisão as tecnologias.

O clássico LCD deu lugar ao LED, que já vem sendo substituído pelo Quantum Dot e até pelo OLED. Para tirar de vez suas dúvidas, confira uma lista para entender o funcionamento desses novos televisores disponíveis no Brasil por preços para todos os bolsos.
TV Full HD
Full HD ainda é a resolução mais comum de TVs comercializadas no Brasil (Foto: Divulgação/Samsung)Full HD ainda é a resolução mais comum de TVs comercializadas no Brasil (Foto: Divulgação/Samsung)
O Full HD, que pode ser abreviado para FHD, representa a resolução de 1920 x 1080 pixels, usualmente na proporção 16:9. Essa resolução de imagem também é referida como 1080p, quando a tecnologia de atualização de display é feita em Progressive Scan.
TV 4K
4K é resolução quatro vezes maior que o Full HD (Foto: Divulgação/Samsung)4K é resolução quatro vezes maior que o Full HD (Foto: Divulgação/Samsung)
Tendência nos lançamentos de TVs de grandes fabricantes na última CES, o 4K traz quatro vezes mais resolução do que o Full HD, garantindo um nível de detalhes na imagem muito superior, especialmente quando comparados lado a lado. São 3840 x 2160 pixels no total, designados também como 2160p em televisores e outras telas. No cinema, com um painel mais largo – proporção 17:9 – é possível acumular ainda mais pixels, chegando a 4096 x 2160 pixels.
TV UHD
TVs Ultra HD trazem resolução 4K (Foto: Divulgação/LG)TVs Ultra HD trazem resolução 4K (Foto: Divulgação/LG)
UHD, ou Ultra High Definition, é uma nomenclatura alternativa adotada no ramo de TVs para a resolução 4K. Portanto, dizer que uma TV é UHD ou Ultra HD é o mesmo que dizer que ela traz resolução 4K, com 3840 x 2160 pixels espalhados por uma tela de proporção 16:9.
TV Ultra HD Premium
Ultra HD Premium é um selo de qualidade aplicado por alguns fabricantes (Foto: Divulgação/Panasonic)Ultra HD Premium é um selo de qualidade aplicado por alguns fabricantes (Foto: Divulgação/Panasonic)


O Ultra HD Premium é um selo criado pela indústria para validar televisores 4K – ou UHD – comercializados pela UHD Alliance, entidade que reúne gigantes do setor. Isso porque os 3840 x 2160 pixels de uma tela não determinam, necessariamente, sua qualidade, já que se trata unicamente de uma propriedade da resolução da imagem.
TV SUHD
suhd-tv-samsung (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)Samsung escolheu nome SUHD para identificar TVs premium (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)
A sigla SUHD, ou S Ultra High Definition, foi criada pela Samsung para designar sua linha de TVs com resolução 4K. Na prática, porém, não significa uma nova categoria de telas, pois é um termo definido com foco no marketing. A própria fabricante coreana não define claramente o que o “S” significa.
Portanto, uma Samsung SUHD é basicamente uma TV UHD com recursos a mais – entre eles, os pontos quânticos explicados mais abaixo, nesta matéria, e também o suporte a HDR.
TV 8K
A Sharp foi uma das primeiras a experimentar com o 8K, resolução 16 vezes maior que o Full HD (Foto: Divulgação/Sharp)A Sharp foi uma das primeiras a experimentar com o 8K, resolução 16 vezes maior que o Full HD (Foto: Divulgação/Sharp)
Enquanto a resolução 4K é quatro vezes superior ao Full HD, o 8 K traz absurdos 16 vezes mais pixels. Referida também como FUHD, ou Full Ultra High Definition, ela oferece 7680 x 4320 pixels em uma proporção 16:9, ou até 10080 x 4320 pixels em um painel wide 21:9. Assim como o 1080p do Full HD e o 2160p do 4K, o 8K também pode ser definido por sua presença em TVs com Progressive Scan, com o termo 4320p.
TV HDR
Algumas TVs no Brasil já vêm com HDR, como as da Sony com resolução 4K (Foto: Divulgação/Sony)Algumas TVs no Brasil já vêm com HDR, como as da Sony com resolução 4K (Foto: Divulgação/Sony)

TVs de LED, na verdade, continuam sendo de LCD, mas com iluminação traseira melhor (Foto: Divulgação/LG)TV LED
TVs de LED, na verdade, continuam sendo de LCD, mas com iluminação traseira melhor (Foto: Divulgação/LG)
TVs de LED, ou Light Emitting Diode, são, na verdade, TVs de LCD que trazem iluminação traseira feita com uma espécie de conjunto de lâmpadas minúsculas. Feitas de semicondutor, esses aparelhos são capazes de emitir iluminação com forte intensidade e gerar uma imagem final com muito mais brilho do que o LCD sem LED. TVs com esse recurso, portanto, costumam ter qualidade superior, além de serem muito mais finas, devido ao tamanho mínimo da iluminação por LED, que ocupam pouco espaço na estrutura do aparelho.
TV OLED
TVs OLED ainda não decolaram, apesar de serem as melhores do mercado em muitos aspectos (Foto: Divulgação/Samsung)TVs OLED ainda não decolaram, apesar de serem as melhores do mercado em muitos aspectos (Foto: Divulgação/Samsung)
Uma tecnologia mais recente e mais cara, a TV OLED, ou Organic Light Emitting Diode, é completamente diferente em termos de estrutura e qualidade de imagem do que TVs LED, apesar da semelhança no nome. Isso porque TVs de LED requerem uma camada externa de LCD, que serve de filtro para a passagem da luz, gerando a imagem final; enquanto o OLED é, por si só, único painel que emite a luz e exibe a imagem. A tecnologia usa materiais orgânicos que emitem cores específicas ao serem estimulados por eletricidade, algo que resulta em TVs finíssimas, com alto contraste e que consomem muito menos energia.
TV QD ou Quantum Dot
TVs Quantum Dot trazem menos contraste do que o OLED e mais qualidade do que o LED, já são realidade (Foto: Divulgação/LG)TVs Quantum Dot trazem menos contraste do que o OLED e mais qualidade do que o LED, já são realidade (Foto: Divulgação/LG)
A tecnologia de Ponto Quântico, ou Quantum Dot (QD) é uma aposta alternativa da indústria para substituir as TVs LED, em concorrência com TVs OLED. Ela usa nanotecnologia para criar luz branca pura, capaz de gerar cores mais fieis quando passa por um filtro LCD. Embora entregue menos contraste do que o OLED, uma TV Quantum Dot é muito mais barata para fabricar, resultando em aparelhos comercialmente viáveis que apresentam qualidade superior a outras TVs LCD com iluminação traseira feita por LED. 

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Nova TP de keys ( SKS ) do satelite SES-4 22W 02/09/2016

 Nova TP de keys ( SKS ) do satelite SES-4 22W

TP 12096 H 1299

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

terça-feira, 30 de agosto de 2016

NOVA ATUALIZAÇÃO FREEI TOY PARA BRAVISSIMO TWIN 30/08/2016

pesquisar aqui